Reservas de Hotéis Aluguel de Carro Passagens Aéreas
 Quem somos   |   Formas de Pagamento    |    Compromisso com o Menor Preço   |    Vantagens    |   Segurança    |   Privacidade
Passagens Aéreas Promocionais
Nacionais

Internacionais

No Exterior

Viajando para o Brasil

Viajando entre países

 

Nacionais

Internacionais

 

Brasil

Exterior

 

Seguro viagem

Passaporte

Vistos

Pacotes turisticos

Consulados
Hotéis em São Paulo

Embaixadas do Brasil

Mapa do Site

 

Dicas de Saúde

Guia do Passageiro

Bagagem

Alfândega

Viagens Exterior

Glossário

Chamadas a Cobrar

Boa Vista - RR

 

Capital do Estado de Roraima, Boa Vista é o município mais populoso do Estado e está localizada à margem direita do seu maior símbolo, o Rio Branco. É a única capital brasileira localizada totalmente ao norte da linha do Equador.

 

Foi em 1830, quando foi fundada, por Inácio Lopes de Magalhães, a primeira fazenda particular de gado bovino, a Fazenda Boa Vista, cuja sede ocupava o prédio onde hoje funciona o bar Meu Cantinho, no núcleo histórico da cidade. A imigração em massa para Boa Vista começou em 1980, com a descoberta do garimpo. O então Território Federal do Rio Branco foi elevado à categoria de estado e tempos depois passou a se chamar Território Federal de Roraima e, ainda depois, "Roraima". Mais tarde o garimpo com máquinas foi proibido, por demasiados danos à natureza, o que prejudicou a economia estadual e municipal.

 

Moderna, a cidade destaca-se entre as capitais da Região Norte do Brasil pelo traçado urbano organizado de forma radial, lembrando um leque - em alusão às ruas de Paris, na França, com as principais avenidas convergindo para a Praça do Centro Cívico, onde se concentram as sedes dos três poderes (Legislativo, Judiciário e Executivo), com belos monumentos e suave plasticidade. As áreas mais antigas de Boa Vista, localizadas em especial às margens do rio Branco, no baixo Centro possuem uma arquitetura característica do estilo neoclássico, inspirado nas formas romanas e gregas da Antigüidade. Um exemplo de obra pertencente à este estilo é a Prelazia, que foi construída em 1907 e funcionou como um hospital assistido por monges beneditinos, entre 1924 e 1944. Na década de 50 tornou-se a sede do governo estadual.

 

São áreas indígenas 1.447,35 Km² do município, o que corresponde à 25,33% do território total. Roraima é um dos Estados brasileiros que ainda conta com a maior população de índios no Brasil, entre os quais se destacam os Yanomami e é um Estado possuidor de um artesanato riquíssimo, com fortes características indígenas. A cerâmica fabricada pelos índios Macuxis; os cintos de sementes de imbaúba, do povo Wai-wai; as peneiras de arumã, da tribo yanomami; os trabalhos em madeira, palha e fibra e as esculturas em pedra sabão, são alguns exemplos de peças que marcam a predominância da arte indígena na região. O folclore de Roraima contém elementos de grande riqueza cultural, caracterizados pelas danças indígenas, pelos hábitos e pelo vocabulário repleto de expressões oriundas dos dialetos macuxi, taurepang, paraviana, uapixana, ingaricó, entre outros.

 

Entre os pontos turísticos, destacam-se a Orla Taumanan, um espaço sobre o Rio Branco com lanchonetes, restaurantes, espaços para caminhada e descanso, onde todas as noites sucessos da MPB são tocados ao vivo gratuitamente, o Complexo Poliesportivo Ayrton Senna e o Centro de Artesanato, Turismo e Geração de Renda Velia Coutinho, uma opção para prestigiar e comprar o artesanato Roraimense. Outro destaque é o Parque Anauá, que é o maior parque da Região Norte brasileira, possui um moderno espaço coberto para shows, a maior pista de bicicross da região Norte, uma pista de kart, anfiteatro, museu, parques infantis, parque aquático público recém-reformado, espaço para aeromodelismo, restaurantes, lanchonetes, lago, fontes e escolas.

 

Boa Vista é uma grande opção para o turismo nacional e internacional, distante apenas uma hora de Manaus, por avião, e cerca de duas horas por carro, de Santa Elena, na fronteira da Venezuela. As duas rodovias que cruzam Boa Vista são a BR-401, para a Guiana e a BR-174 para Manaus e Venezuela.

 

Por Verônica Moschetta

 

 

Este site é operado pela Ponto Tur Viagens e Turismo. Copyright© 2006 Ponto Tur. Todos os direitos reservados.