Reservas de Hotéis Aluguel de Carro Passagens Aéreas
 Quem somos   |   Formas de Pagamento    |    Compromisso com o Menor Preço   |    Vantagens    |   Segurança    |   Privacidade
Passagens Aéreas Promocionais
Nacionais

Internacionais

No Exterior

Viajando para o Brasil

Viajando entre países

 

Nacionais

Internacionais

 

Brasil

Exterior

 

Seguro viagem

Passaporte

Vistos

Pacotes turisticos

Consulados
Hotéis em São Paulo

Embaixadas do Brasil

Mapa do Site

 

Dicas de Saúde

Guia do Passageiro

Bagagem

Alfândega

Viagens Exterior

Glossário

Chamadas a Cobrar

Berlin - DE

Após 50 anos dividida, Berlin voltou recentemente a ocupar o lugar que a história sempre lhe reservou, o de uma das principais capitais do mundo.


Desde sua fundação, a sina de Berlin tem sido a divisão e a reunificação. Dentro dos limites do vale Spree, entre Koepenick e Spandau, Coelln foi fundada em Spree Island e Berlin, na escarpa ao norte. Coelln e Berlim foram unificadas em 1307, com a unificação anulada em 1442. A separação durou até 1709.
A cidade se tornou o centro político de Brandenburg, Prússia e do Reich Alemão. Após a fundação do Reich Alemão em 1871, a cidade progrediu rapidamente para se tornar o maior centro industrial e cultural. A Segunda Guerra Mundial teve um efeito devastador em Berlim e conduziu à destruição de grandes áreas da cidade. Os desenvolvimentos políticos subseqüentes dividiram o país e sua capital: A construção do Muro em 1961 completou drástica e brutalmente a separação. A queda do Muro só ocorreria novamente em 1989, quando os povos de Berlim Ocidental e Oriental finalmente se reuniram. A maior cidade do país mais uma vez se torna a capital de uma Alemanha unida, com o Portão de Brandenburg simbolizando esta reunificação.

No que antigamente correspondia à Berlin oriental, na região conhecida como Mitte, está situado um dos mais conhecidos monumentos de Berlin, construído durante o período comunista, a torre de televisão Fernsehturm. Um elevador leva até o topo, onde está localizado um mirante de onde é possível ver toda a cidade em volta, e também há um restaurante, no andar superior.
A praça ao lado, situada em frente ao famoso prédio vermelho da Rotes Hauhaus tem sido a sede da prefeitura de Berlin, desde 1860, quando foi construída, e seu formato, retangular com uma torre em estilo clássico no centro, é um dos mais conhecidos ícones da cidade. Durante o período em que a cidade esteve dividida, ela serviu como sede do governo municipal de Berlin Oriental, mas após a unificação da cidade, ela voltou em 1991 a ser a única prefeitura da cidade.
Seguindo pela Avenida Karl Liebnecht se chega à belíssima catedral da cidade, a Berliner Dom, apreciado por seu ricamente decorado interior, que abriga um imenso órgão, um púlpito em estilo neo-barroco, vitrais e os sepulcros dos membros da família real, situados no subsolo.
Cruzando o rio Spree, se chega à Avenida Unter den Linden, onde estão localizados os belos prédios da Ópera, Biblioteca Nacional e Universidade Humbolt.

Existiam oito pontos de passagem no muro de Berlin. O mais famoso de todos ficou conhecido como Check Point Charlie, onde hoje em dia, estudantes vestidos com uniformes de militares americanos, russos e ingleses apresentam uma reconstituição daquela época, e posam ao lado de turistas. Em frente à Check Point Charlie está situado o Museum Haus am Checkpoint Charlie. Percorrendo seus aposentos se pode ver centenas de fotos, documentos, vídeos e muitos outros objetos relacionados ao muro de Berlin.
Na Rua Bernauer foi construído um memorial, denominado Gedenkstatte Berliner Mauer, aproveitando um dos únicos setores intactos do muro a permanecerem em Berlin. Ao seu lado, um centro de documentação exibe detalhes da história do muro e da divisão da Alemanha.
Interessados em histórias e locais da segunda guerra mundial podem visitar um dos Bunkers de Hitler, agora transformados em ruínas, ou então o museu História de Berlin que apresenta artefatos de várias épocas da cidade, desde o período nazista até a guerra fria. Outro endereço famoso é o Pergamon Museum, renomado por sua extensa coleção de artefatos históricos, e localizado na Ilha dos Museus - Museumsinsel – que é uma ilha no rio Spree, onde ainda se encontram mais quatro museus. Entre os grandes museus da cidade figura ainda, em destaque, o Deutsches Historisches Museum, onde toda saga da civilização germânica é apresentada.

Outro ponto clássico em qualquer roteiro turístico de Berlin é o prédio do Parlamento, Reichstag, situado a pouca distância do Portão de Brandeburg. Visitantes podem subir pela engenhosa rampa que conduz ao topo do domo de vidro, e apreciar do alto o trabalho dos parlamentares.
O Palácio de Charlottenburg foi construído a partir de 1695, e é o principal palácio da cidade, e serviu como residência de verão da imperatriz Sophie Charlotte. O palácio abriga mobílias, pinturas, objetos de arte, e utensílios do dia a dia dos séculos passados e oferece ainda a oportunidade de uma caminhada por seus belíssimos jardins, situados na parte dos fundos do palacete.
O principal parque de Berlin é também um dos maiores do mundo: Tiergarten, que tem uma grande variedade de recantos, alamedas floridas, quadras de esportes, brinquedos infantis, etc., e costuma ser muito freqüentado pelos Berlinenses, sobretudo durante os fins de semana. Na parte central de Tiergarten está outro dos monumentos mais famosos da cidade, a Coluna da Vitória, Siegessaule, no topo da qual está uma imensa estátua representando a Deusa da Vitória. É possível subir até os pés da estátua, toda feita em ouro, para ter uma visão privilegiada de Berlin.

Uma parada não tão tradicional, mas bastante interessante, a Estação Central de Berlim - Berlin Hauptbahnhof - é maior estação ferroviária de interseção em múltiplos níveis da Europa e um importante imóvel comercial. Em três andares, ela oferece 15000 m² de superfície de compras para cerca de 80 lojas de varejo na áreas de roupas femininas e masculinas, gastronomia, alimentos, conveniência, presentes, saúde e bem-estar entre outras.
Potsdamer Platz também é um ponto que merece uma visita, e é uma espécie de mini-cidade moderna construída entre as antigas pedras de Berlim. Há uma infinidade de lojas e ali estão as grifes mais conhecidas do mundo.
Ainda, o Zoologister Garten, o zoológico mais antigo do país, foi construído em 1841 e possui mais de 13 mil animais e várias espécies raras, e foi inclusive bombardeado durante a Segunda Guerra. Ao lado do zoológico, há um aquário gigantesco, que possui mais de 10 mil peixes, répteis e anfíbios.

 

Por Verônica Moschetta

 

 

Este site é operado pela Ponto Tur Viagens e Turismo. Copyright© 2006 Ponto Tur. Todos os direitos reservados.

 
 
 

 

Aluguel de Carro


Seguro de viagem     São Paulo

Reserva de Hotel

pacotes turisticos